Espasmos # 2


Enviar este post



Relembrar (?)



All personal information that you provide here will be governed by the Privacy Policy of Blogger.com. More...



É que na maioria das vezes sou mesmo corredeira volumosa...
Nunca escutas?
Quantas vezes precisarei desembocar em ti para entenderes a violência dos sentimentos gerados pela força das minhas águas?
Suplico ao vento que pare de soprar: estou exausta de tanta arrebentação.


4 Respostas a “Espasmos # 2”

  1. Anonymous v.LEAL BARROS 

    há um grito nestes textos, algo que pede à tempestade para parar... não é necessária nenhuma suplica, nenhuma prece, o tempo encarrega-se de a amainar

  2. Anonymous rosa 

    só para vos deixar um beijinho*

  3. Anonymous rosa 

    só para vos deixar um beijinho*

  4. Anonymous Lu 

    Querido Vítor, o tempo seu próprio tempo e quantas vezes é tão divergente do nosso!!! A voz que suplica tem pressa...
    Rosa, beijinho recebido... o Povo agradece seu carinho.

Comentar

      Convert to boldConvert to italicConvert to link

 


O Blog

  • O POVO É BOM TIPO PRETENDE SER UM LOCAL DE PARTILHA ONDE LIVREMENTE SE TROCAM GOSTOS, AFINIDADES E INSTANTES DE VIDA. NÃO MAIS DO QUE ISSO.

A População

Séries

Últimos Posts

Livro de Ponto

Arquivo

Periferia

Outras Cidades

Cidades Desabitadas

Outros Povos

Manutenção

  • + Blogger
  • + BlogRating
  • + Blogwise
  • + eXTReMe Tracker
  • + A Música do Povo
  • + Os Links do Povo
  • + Protegido por CreativeCommons